marca nova ecomodas.png

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Vic Benedett

Vocalista do Pier49 Music

 

 

 

 

 

 

 

Parceria

pela preservação

da vida marinha

 

 

 

 

A EcoModas firmou parceria com o José Cavalcante que há 05 anos realiza o cultivo e plantio de mudas de mangue às margens da Lagoa de Jacarepaguá, Rio de Janeiro.

 

 

Este trabalho inspirador do José, denominado projeto Voz das Lagoas também contribui com a retirada de detritos jogados dentro da respectiva lagoa e, para isso, ele utiliza um barco.



Nos unimos ao José para plantar as primeiras 500 mudas de mangue em nome da EcoModas. Esta ação aconteceu em agosto de 2018 e pretendemos manter e ampliar.

 

 
José Cavalcante, idealizador do Projeto Voz das Lagoas, fala da parceria com a EcoModas.
 
 
 
Caranguejos, como o guaiamum, o caranguejo uça e o aratu,  são de fundamental importância para a ciclagem de nutrientes do ecossistema. Alimentam–se de folhas que caem das árvores, retalhando-as e possibilitando o ataque por bactérias decompositoras que tornarão os nutrientes novamente disponíveis para as plantas. Além disso, os túneis cavados pelos caranguejos são importantes para a aeração do solo. Muitos outros animais também são encontrados no manguezal, como caramujos, ostras, mexilhões, poliquetas e diversas espécies de peixes. 
 
 
A importância dos manguezais
Selo Salva Mangue.jpg

Os manguezais são ecossistemas particulares e únicos que se originam do encontro da água salgada do mar e a água doce de diversas fontes, formando uma água salobra, acontecendo em todo o planeta em regiões de clima tropical. Os manguezais se formam exclusivamente nas regiões costeiras e a salinidade das suas águas é variável em cada região. A legislação ambiental do Brasil protege as áreas de manguezais, pois eles são considerados de grande importância para a vida marinha, servindo como berçário natural para diversas espécies marinhas, rota migratória para diferentes espécies de aves, além de oferecer abundante alimento para peixes e aves além de matérias orgânicas e nutrientes que enriquecem as águas marinhas. 

 

A flora e a fauna dos manguezais é bastante típica. Muitos animais se reproduzem, se alimentam e/ou crescem nos mangues como os camarões, algumas espécies de peixes como tainhas e robalos. Muitas aves também procuram os mangues para procriar, outras para se alimentar ou descansar nos seus vôos migratórios. Pela sua riqueza, diversidade e condições naturais os manguezais são considerados como um dos ecossistemas mais produtivos do Brasi

 
Embora protegido por lei, o manguezal ainda sofre com a destruição gratuita, poluição doméstica e química das águas, derramamentos de petróleo e aterros mal planejados. De acordo com a Lei Federal n.º4771 o manguezal é Área de Preservação Permanente. Porém, apesar disso, este importante ecossistema continua sendo ameaçado, principalmente devido à falta de fiscalização e de planos de recuperação por parte das autoridades competentes.
 
Quanto à fauna, destacam-se as várias espécies de caranguejos, formando enormes populações nos fundos lodosos. Nos troncos submersos, vários animais filtradores, tais como as ostras, alimentam-se de partículas suspensas na água. Os caranguejos em sua maioria são ativos na maré baixa, enquanto os moluscos alimentam-se durante a maré alta. Uma grande variedade de peixes penetra nos manguezais na maré alta. Muitos dos peixes que constituem o estoque pesqueiro das águas costeiras dependem das fontes alimentares do manguezal, pelo menos na fase jovem. Diversas espécies de aves comedoras de peixes e de invertebrados marinhos nidificam nas árvores do manguezal. Alimentam-se especialmente na maré baixa, quando os fundos lodosos estão expostos.
 
Esta iniciativa segue as diretrizes dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável da ONU

Meta: Conservar e promover o uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.

 

Lançado em 2000 pelo então secretário-executivo das Nações Unidas, Kofi Annan, o Pacto Global nasceu da necessidade de mobilizar a comunidade empresarial do mundo para a adoção de valores fundamentais e internacionalmente aceitos em suas práticas de negócios.

 

A iniciativa global é um avanço na implementação de um Regime de Direitos Humanos e Sustentabilidade empresarial. Atualmente, são quase 13 mil signatários articulados em mais de 160 países. Fazem parte pequenas, médias e grandes empresas, além de organizações da sociedade relacionadas ao setor privado.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fonte: Logosbios